Singrando Horizontes

Vive muito mais feliz
quem bebe as águas das fontes,
e, também, minh´alma diz,
quem vai Singrando Horizontes !
(Ialmar Pio Schneider - Porto Alegre/RS)

Vai, Singrando Horizontes,
O infinito é a ambição
rumo aos mais distantes montes,
rumo à imaginação!
(Sinclair Pozza Casemiro - Campo Mourão/PR)

Você é a Gralha Poeta
que leva nossa poesia
ao mundo, em que o grande esteta
criou com tanta harmonia!
(Nei Garcez – Curitiba/PR)
Nas artes e na literatura, vão surgindo as classificações didáticas, as separações por faixas etárias, estilos, temáticas etc. Ha professores e alunos no Brasil, que aprendem só isso da produção artística. Decoram nomes, escolas e datas, mas não se embrenham nos livros, preferem o futebol ou o vídeo-game. A Literatura de boa qualidade nos empolga, lemos sem poder largar o livro, as páginas suscitam nossa emoção, respondem ou provocam perguntas.

Sem a Literatura acumulada nos séculos, o ser humano estaria muito mais próximo da animalidade que ainda o caracteriza nas páginas policiais. Em minhas oficinas ninguém gasta muito tempo com aquela americana lista de soft, hard etc. etc. Falamos em cenas que não saem da memória, em emoções que derramam lágrimas, falamos em idéias e como expressa-las com eficiência. Quem entra em um Museu não fica procurando renascentistas, impressionistas, dadaistas, cubistas ou abstracionistas. O espectador inteligente não procura escolas ou datas, procura obras primas. Nossa ambição deve ser a obra-prima.

(André Carneiro)


Fonte da Imagem da Pomba = http://www.senado.gov.br/portaldoservidor/jornal/jornal121/qualidade_vida_paz.aspx

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Projetos do MesmaFrequência (MF) em Andamento em Sorocaba

- Projeto Sarau Cultural: a próxima edição será dia 6 de Dezembro. Ver detalhes abaixo. As inscrições estão abertas.

- Projeto 'Cine Cult': aguardando sugestão, pelo coordenador Benão, de dia, horário e indicação do filme a ser exibido.
Local: casa da Delia Maria.

AGENDA

Dia 25/10 - Sábado
17 horas - Cerimonia de entrega dos diplomas e presentes aos ganhadores do IV Concurso de Redação, do Instituto Julio Prestes.
Local: Câmara de Itapetininga.

Dia 27/10 - Segunda feira

19h30 - Lançamento do DVD "Os jornalistas e as eleições' evento promovido pela Aliança Internacional de Jornalistas - entrada grátis -
Local: Shopping Cidade Jardim - Auditório Livraria da Vila - Desta vez, deverá acontecer um bate-papo dos participantes do Dialógo com o público presente. Por isso o auditório com a projeção do DVD em telão ao fundo.

Dia 01/11 - Sábado

15 hs - Lançamento de livro 'Vidas Entrelaçadas', do MF Nicanor Pereira. O livro tem 160 páginas, formato 14x21 e a editora é 'O Clássico'.

O lançamento acontece durante a Expo-literária, na Biblioteca Municipal de Sorocaba, no dia 01 de novembro (sábado), às 15 horas, com as solenidades de lançamento e tarde de autógrafos.

Sinopse: a obra conta com a apresentação do literato Geraldo Bonadio, presidente da Academia Sorocabana de Letras e compreende um romance que se reporta a um casal de jovens enamorados. Têm eles o primeiro encontro na praia de Itapoã, Vila Velha/ES, vindo a seguir o envolvimento de um dos deles com as drogas, causando, desta forma, terríveis problemas e sofrimentos a ambos. No entanto, após longa separação, período em que acontecem uniões conjugais que se desfazem, prisões, enfermidades, assassinatos etc, permanecendo, porém, entre os protagonistas o amor "platônico" (intelecto-emocional). A restauração desse moço, proporcionada por sua firme disposição de cura e libertação, com o auxílio divino, reconstitui a vida de ambos, tornando-os incansáveis apologistas contra o ingresso de nossa juventude ao mundo das drogas. Leitura agradável, intrigante e emocional, de grande conteúdo ético e moral, sem qualquer apelo sexual, inspirando, nos seus conceitos, importantes princípios cristãos, tão necessários, na época em que vivemos.

Vidas Entrelaçadas é, antes de um romance, um brado de advertência aos jovens e adolescentes sobre o perigo da primeira "viagem" ao mundo de desgraças e infinitos sofrimentos a que conduzem as drogas. Leitura ideal para a família e jovens de todas as idades.

Nicanor Filadelfo Pereira. Poeta e cronista, nasceu em São Paulo em 19/08/39 e aos sete anos de idade foi residir em Jandira /SP onde cursou o primário, na Escola Mista da Parada Jandira, cursou depois o ginasial em Osasco e o Colegial (Clássico) no Colégio Campos Salles, na Lapa, São Paulo, capital. Foi correspondente dos jornais regionais: O Imparcial e O Suburbano da cidade de Itapevi/SP.

Aos dezoito anos ingressou na política partidária, tendo exercido diversos cargos na estrutura dos partidos de que fez parte, desde o PSB, PSP, posteriormente na Arena e, depois, no MDB. Foi vereador na cidade de Jandira, onde exerceu o primeiro mandato de Presidente da Câmara.

Sempre teve interesse especial pela Literatura, dedicando-se à escrita em prosa e verso. Em 1981 transferiu-se com sua família para Sorocaba, onde reside atualmente, mantendo, no entanto, seus vínculos com a cidade de Jandira, em função de suas atividades comerciais. Em Sorocaba faz parte das diretoria da CERES - Casa do Escritor da Região de Sorocaba, onde exerce o cargo de Diretor Executivo, é membro do Grupo Coesão Poética de Sorocaba e colunista dos sites: www.sorocult.com e www.joaquimevonio.com

Dia 08/11 - Sábado

19 horas - Lançamento do 3º livro do Gonçalves Viana (Vianinha), intitulado "Estilhaços".
No Depois Bar e Arte, situado na Rua Cônego Januário Barbosa, 123, próximo da Rodoviária.

Gonçalves Viana é Técnico em Projetos Industriais. Poeta, humanista e grande admirador da Música. Vice-Presidente da Ceres (Casa do Escritor de Sorocaba). Membro do grupo Coesão Poética de Sorocaba. Co-autor do 3º Volume do Livro "Biblioteca Sorocabana - Poesias". Autor do livro "Vertentes" lançado em 2006 pela Otonni Editora com incentivo da Ceres. Colunista do Espaço Literário do site sorocult.com. Co-autor na 1ª Coletânea Literária do site www.sorocult.com.

Dia 22/11- Sábado
20 horas
- Sarau Cultural do Instituto Julio Prestes -
na casa do casal Alcidenet-Mara -
INSCRIÇÕES ABERTAS!

Dia 06/12- Sábado
20 horas - 2o. Sarau Cultural do MF -
na rua Joel Ribeiro nº 140 - Jardim Emília. O local chama-se Clínica Expressão. A referência é a rua Washington Luis, na altura do 201.
Fone: 32310196. Outros telefones para contato: 32474744 e 91492628.
INSCRIÇÕES ABERTAS!

Fonte:
Douglas Lara.

Nenhum comentário:

Autor Anônimo (Oração do Cão Abandonado)

DEUS
Sei que sou um ser criado por ti, para ser amado
pelos homens mas nasci sem a sorte de alguns de minha espécie.

Hoje meu dono levou-me a um passeio de carro.
Chegamos em uma praça, ele tirou minha coleira,
me fez descer do carro, e virando-me as costas,
foi embora e nem se despediu.

Tentei segui-lo mas o carro corria muito e não pude alcançá-lo.
Caí exausto no asfalto. Ainda não entendi. Por que ele me abandonou?

Eu sempre o recebi abanando o rabo, fazia festa e lambia seus pés.
Sempre lati forte, para defendê-lo e afastar os estranhos da porta.

Eu brincava com as crianças... ah! elas me adoravam.
Que saudades. Será que elas ainda se lembram de mim?

Deus, eu fico imaginando como seria bom se eu pudesse
comer agora. Puxa, estou faminto.

Não tenho água para beber, e estou tão cansado.

Procuro um cantinho onde possa me abrigar da chuva,
mas muitas vezes sou chutado.
As pessoas não gostam muito de mim aqui nas ruas.

Estou fraco, não consigo andar muito,
mas encontrei enfim um lugar para passar essa noite.

Está muito frio e o chão está molhado.
Já não tenho pêlo para me aquecer, estou doente,
e creio que ainda hoje vou me encontrar contigo.
Aí no céu meu sofrimento vai terminar.

Peço-vos então, pelos outros, por todos os cãezinhos e animais
abandonados nas ruas, nos parques, nas praças.

Mande-lhes pessoas que deles tenham compaixão,
pois sozinhos, viverão poucos meses, serão atropelados,
sofrerão maltratos dos impiedosos. Proteja-os.

Amenize-lhes esse frio, com o calor das pessoas abençoadas.

Diminua-lhes a fome, tal qual a que sinto, com o alimento do amor que me foi negado.

Sacie-lhes a sede com a água pura dos Seus ensinamentos.

Elimine a dor das doenças, dos maltratados, estirpando a
ignorância do homem.

Tire o sofrimento dos que estão sendo sacrificados em atos
apregoados como religiosos, científicos, tirando das mãos
humanas a sede pelo sangue.

Abrande a tristeza dos que, como eu, foram abandonados,
pois, dentre todos os sofrimentos, esse foi o maior e mais
duro de suportar.

Receba, DEUS, nesta noite gelada, a minha alma, e
minha oração pelos que aqui ficam. É por eles que vos peço,
pois não são humanos, mas são Seus filhos, e são leais e inocentes, e foram criados por Suas mãos e merecem o Seu abrigo.

Amém.

Enviar a pagina em pdf por e-mail

Send articles as PDF to